SAIU DO FORNO: Emma Pollock – The Law of Large Numbers (2010)

Lembra do Delgados, aquela banda escocesa que produziu um dos melhores álbuns da década passada (The Great Eastern)? Pois, Emma Pollock era uma das metades da banda, e depois que a mesma acabou, a menina resolveu seguir em carreira solo, coisa óbvia dado o seu talento para tornar graciosa qualquer canção, com sua voz sempre cativante. Depois de sua estréia em 2007 com ‘Fireworks’, ela lança agora seu segundo disco, e o que se percebe é que lentamente vai se afastando da Emma vocalista do Delgados e encontrando o feeling da Emma artista solo. Inteligente compõe um álbum de muitas facetas, que tanto pode pender para o lado mais intimista, com aproximação para o clássico (‘Hug the Piano’, ‘House on the Hill’) ou o folclórico (‘The Loop’), mas jamais caindo no lado mais pop, mesmo nas canções com potencial para tal, como ‘Hug the Harbour’, que ligeiramente remete a alguma coisa do Black Box Recorder. O álbum marca o retorno da vocalista ao selo Chemikal Undergroud, após ter lançado seu primeiro álbum pela 4AD, e da produção de Paul Savage, seu marido e a outra metade no Delgados, o que explica as pinceladas discretas de Delgados aqui e ali (‘I Could be a Saint’). É um álbum cheio de sutilezas, ao mesmo tempo despretensioso, mas que faz valer cada minuto, mesmo que no fim fique uma leve sensação de que faltou um algo mais.

Um pensamento sobre “SAIU DO FORNO: Emma Pollock – The Law of Large Numbers (2010)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s