SAIU DO FORNO: James – The Morning After (2010)

Parodiando o ditado: nada como o dia após a noite! Sucessor do inexpressivo “Night Before”, “The Morning After” é uma tentativa da banda resgatar alguns bons momentos de sua carreira… Um limbo entre o muito bom “Hey Ma” e o excelente “Laid”. James é uma daquelas bandas “privilegiadas” (U2, R.E.M., The Cure, etc.) que por mais que lance um álbum não tão bom, possui uma qualidade musical acima da média comparada a muitas outras bandas ou artistas – resultado de uma carreira sólida e bastante competente. Tim Booth, excelente vocalista, acompanhado de excelentes músicos, não deixa a peteca cair e encanta em faixas como: “Dust Motes” (poderia integrar o “Laid” – observe o instrumental!), “Kaleidoscope”, “Rabbit Hole” (ponto alto do álbum) e “Fear”. “Tell Her I Said So”, “Make For This City” e a contagiante “Lookaway” (belos violões e cordas) correm soltas de forma agradável no play!  O James acertou quando buscou um lugar entre o céu e um paraíso terreno. Viva! Amém!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s