OU NÃO? Pompeya

ANTERIORES:
+ Alameda
+ The Sand Band

Será que essa banda russa conseguirá obter mais notoriedade na mídia, sobretudo pela internet?

Não se fala muito na Rússia quando se trata do cenário musical. Tomando eu mesmo como exemplo, agora, não conseguiria citar 5 grupos oriúndos do país. De qualquer forma, a banda Pompeya chega como uma boa e repentina surpresa. Apesar de uma sonoridade absorvida do que encontramos neste vasto cenário musical (notei breves semelhanças com Vampire Weekend e White Rabbits, entre outros), os russos apresentam um LP début que mostra potencial para trabalhos futuros e aquela ideia de que as influências foram bem assimiladas no aprendizado geral. ‘Slaver’ é uma abertura convincente para dar continuidade à audição do disco, em ‘Untitled’ eles até arriscam um pop-rock mesclado com ska, ‘Cheenese’ mostra um instrumental apurado conduzido sobre uma melodia grudenta. A banda entrega um pop com sonoridade mais dançante em ‘Power’. ‘Tropical’ é o nome do disco (imagem do post), 9 canções, pronto para ser descoberto, assim como serve de documento para dizer se o Pompeya tem futuro promissor ou não. Vamos aguardar. Por enquanto, tire suas conclusões.

Myspace
Facebook

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s