LISTAS: 7 ARMAS MARCANTES NOS JOGOS


(acima, uma das armas mais conhecidas dos jogadores e que poderia estar na lista tranquilamente: Blades of Chaos da série God Of War)

Anteriores:
+ 7 ideias que renovaram os jogos
+ 7 músicas para entender o Britpop

Ao fazer essa lista pretendo colocar algumas armas que vieram nos jogos e que, de alguma forma, trouxeram um conceito novo para determinado jogo ou mesmo para contribuir no funcionamento de sucesso da franquia em questão. Sem ordem de preferência.


1 – PLASMA CUTTER (série Dead Space)
De início, a plasma cutter parece arma simples. Nem tanto. Uma das conquistas/troféus de Dead Space é terminar o jogo usando apenas ela. E sabem de uma coisa? Muito bom. De fácil manuseio, com duas rotações (estratégico para inimigos específicos) e bastante eficaz sobretudo depois de todo o upgrade feito. Arma clássica do jogo, acabou sendo a preferida da maioria dos fãs (e em algumas edições do jogo, o protótipo dela veio até como brinde)


2 – MR. ZURKON (série Ratchet And Clank)
A série Ratchet And Clank é injustiçada. Um dos principais nomes do console Sony, e até hoje não é tão conhecida e ainda passa erroneamente uma ideia de jogo infantil. Muito pelo contrário. E a franquia tem suas características primordiais: detone hordas de inimigos e mais inimigos em busca de mais parafusos e de mais armas e seus upgrades. Uma dessas armas (entre tantas originais) é o Mr. Zurkon. Um robozinho que quando acionado, fica voando ao seu lado colaborando com a jogatina. À medida que ele sobe de nível, as melhorias vão surgindo. Digamos que usar Mr. Zurkon é até uma covardia. No jogo ‘A Crack In Time’, Mr. Zurkon aparece ao lado de esposa e filho. A família está completa e o tiroteio fica ainda mais agressivo.


3 – LANTERNA (Alan Wake)
Sim, isso mesmo. Em outros jogos, o dispositivo serve como um mero iluminador de caminhos (geralmente em survival horror). Em ‘Alan Wake’, ela é uma arma, digamos, primordial. Economize munição de outras armas e abra caminho entre os inimigos se valendo dela. Também será usada para resolver alguns puzzles ou para acessar novas áreas. Mas lembre-se: lanternas tem um tempo de funcionamento e constantemente precisam ser recarregadas.


4 – AS ARMAS IMPROVISADAS/MONTADAS (Dead Island e Rising Dead, principalmente)
Em certos jogos, o melee atack é o primordial da jogatina. Você pode até pegar uma arma de tiro, mas por vezes, uma arma tal qual uma machete funciona melhor. E se colocarmos uma machete com um choque então? Um cassetete feito com pregos? Esse é o mote de alguns jogos. O instinto de sobrevivência fica mais gritante, a vontade de criar alguma arma mais letal torna-se essencial e algumas ficam até risíveis (em ‘Dead Rising’, o quê dizer de uma guarda-sol que serve de arma entre inúmeros zumbis?)


5 – LANÇA-MÍSSIL OU RPG (sobretudo na série Resident Evil)
Sim, esse tem em diversos jogos, mas foi na franquia da Capcom que ele realmente se destacou. Lá no final de Resident Evil 2, quando Ada joga a arma para o Leon nos minutos finais e você pode detonar o último chefe com tranquilidade é alegria para muitos. Geralmente caro, difícil de encontrar, arma de final de jogo e sim, de munição escassa (munição infinita caso o jogador preenchesse alguns requisitos pra lá de insanos como terminar o jogo num tempo quase impossível).


6 – CABELO (Bayonetta)
Jogo inspirado na cultura oriental, com influências de clássicos como Devil May Cry e pra lá de insano com combos detonadores. Muita ação, humor e até sensualidade. Entre as inúmeras armas usadas pela feiticeira, está o seu longo cabelo (que vira diversas coisas e serve como roupa também). Bizarro e divertido ao mesmo tempo.


7 – CELESTIAL BRUSH (Okami)
Tudo bem, nem tanto uma arma, mas uma ferramenta que ajuda o lobo Amaterasu a decifrar puzzles, controlar elementos no cenário, encontrar itens e sim, ajudar em combates. Ora, mas combates são feitos com armas. E o Celestial Brush é uma ajuda e tanto, além disso, podemos dizer que tal arma é de uma interatividade única, deixando a cargo do jogador o seu jeito de derrotar determinados inimigos.

Outras armas marcantes:
O cachorro Shadow em Dead To Rights: Retribution
As pistolas Ebony e Evory de Devil May Cry
Flail Gun de Bulletstorm
Martelo da Aurora da série Gears Of War

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s