SHORES – Precedents (2015)

NOTA: 7,0

“Shores ressuscita de forma consistente um gênero em hibernação”

ANTERIORES:
+ THE DODOS – Individ (2015)
+ FRYARS – The Power (2014)

O termo slowcore surgiu no final dos 80 e início dos 90 para designar bandas que trabalhavam uma sonoridade de cadenciamento lento e poucas ou raras variações em canções geralmente longas e clima melancólico. Nesse arco, nomes como Galaxie 500, Red House Painters, Low, Codeine e Idaho serão sempre lembrados como ícones deste que acabou se tornando um sub gênero do rock alternativo, notadamente produzido nos Estados Unidos.

Tendo como certeza que o mundo em que vivemos é dinâmico, a música não foge à regra, e por isso há que sempre estar seguindo em frente e retornando, mudando e permanecendo. ‘Precedents’ – lançado de forma independente -, da banda de Michigan Shores, se junta a outros tantos exemplos para reafirmar essa dinâmica, ao tempo que ressuscita de forma consistente um gênero em hibernação.

Carregado de uma bruma melancólica que transborda em todas as canções, o álbum reinvindica com eloquência, até o momento, o título de mais soturno do ano. Arrastando o ouvinte para a introspecção com movimentos em slow motion, tudo pontuado por riffs saudosos e monocórdicos vocais indolentes, que de pronto remetem a Mark Kozelek (Red House Painters).

São sete canções apenas, mas não estranhe se, inicialmente, ao final da audição bater a sensação de ter ouvido a mesma canção durante quarenta e poucos minutos. Álbuns como esse requerem audições diversas e uma maior aproximação, embora também possam ser apreciados enquanto se lê um livro ou observa a chuva caindo lá fora.

OUÇA: SHORES – Precedents (Na íntegra)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s