THE HIGH VIOLETS – Heroes and Halos (2016)

NOTA: 7,5

the high violets - heroes and halos

“Um empurrão para um mergulho no dream-pop em suas várias facetas”

Na estrada desde 1998, o The High Violets, grupo de Portland, vem mudando seu som a cada lançamento. Começaram com uma tendência mais para o lado das guitarras, associando-se às distorções do shoegaze e, aos poucos, foram se bandeando para o mundo de melodias sonhadoras ou do dream-pop.

Em “Heroes and Halos” eles chegam ao que pode ser um formato definitivo para sua música.

O grupo tem um trunfo a seu favor, a deliciosa voz de Kaitlyn ni Donovan, que se juntou ao grupo em 2000. Nesse novo álbum seus vocais surgem mais suaves e destacados.

São seis anos passados desde seu último álbum, o também interessante “Cinéma”, onde essa verve mais delicada já se apresentava mais marcante, então o que se apresenta no formato 2016 é um desenvolvimento natural na musicalidade do grupo.

Priorizando texturas, melodias e climas envolventes, entregam um álbum cheio de charme, iluminado por belas canções que se somam para compor uma obra das mais interessantes.

A banda visita o dream-pop nas suas várias facetas, podendo-se encontrar ecos de Beach House na hipnótica “Long Last Night”. De resto, as influências diversas estão lá, diluídas pela ótica do grupo, que presenteia o ouvinte com dois momentos do mais puro pop viciante e viajante em “How I Love (Everything About You)” e “Bells”.

PARA FÃS DE: Beach House, Cocteau Twins, The Sundays, SPC ECO, Echo Lake, Thrushes

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s