NEW MODEL ARMY – Winter (2016)

Nota: 7,5

nma-winter250

‘Banda segue com mais de 35 anos de carreira sem perder o viço e a energia, características que fizeram do New Model Army um dos expoentes do punk/pós-punk inglês’.

Fui tomado de surpresa quando ‘Between Dog And Wolf’ (2013) foi lançado. Três anos depois, a mesma sensação vale para a chegada de ‘Winter’. Não que eu pense na hipótese da banda acabar de vez e nunca lançar mais nada – longe disso! Acontece que assim é o incansável New Model Army. Não faz publicidade, não chega com estardalhaço. A divulgação é mínima mesmo em tempos de mídia incensada. Mas é dessa forma que Justin Sullivan, com seus 60 anos, lidera uma banda que alcançou seus fãs desde os anos 80’s, e até então, segue carinhosamente num círculo de boa recepção entre público e artista (como deveria ser com todo mundo).

Em algum site, li que com ‘Winter’ o NMA tentava buscar um equilíbrio entre ‘The Ghost Of Cain’ (1986) e ‘Thunder And Consolation’ (1989), dois discos essenciais na discografia do grupo. Difícil até mesmo porque os tempos são outros, e apesar de ambos os álbuns serem os preferidos de muitos fãs, o NMA nunca perdeu seu status, não chegou a desmoronar, muito pelo contrário, manteve suas características até hoje, manteve uma regularidade que poucas bandas talvez conseguiram. A energia do grupo, instrumental poderoso, a força dos vocais de Sullivan, letras engajadas e repletas de conteúdo. O NMA de hoje, continua sendo o mesmo de 35 anos atrás. A banda seguiu sua trajetória, conquistou seus fãs, tornou-se importante.

Então, percebo que o trabalho novo, na verdade, é uma soma benéfica e positiva de tudo o que os ingleses construíram nesses anos de carreira. Agora com mais experiência, sem tirar a garra da produção. A canção épica e quilométrica que a banda costuma elaborar faz-se presente com ‘Beginning’. A facilidade de mesclar o acústico com o elétrico fica evidente com ‘Die Trying’ e ‘After Something’. O refrão grudento e típico de fazer a plateia cantar junto, a plenos pulmões, ouça ‘Burn The Castle’ e ‘Devil’. A cozinha (baixo e bateria) pulsando ardentemente, quase numa explosão incandescente, fato comprovado em ‘Weak And Strong’ e ‘Eyes Get Used To The Darkness’. ‘Born Feral’ constitui-se num dos melhores momentos do disco. A percussão vai cativando, Sullivan explode num refrão grudento e nos instantes finais a bateria fica cavalar, algo extraordinário. Canção que deve ser incluída na lista de melhores do ano de qualquer amante da música.

O New Model Army aqui no blog:
‘Thunder And Consolation’ (1989)
‘30th Anniversary Concerts’ (2011)
‘Between Dog And Wolf’ (2013)

Mais sobre a banda:
Allmusic
Site oficial
Twitter

Veja o vídeo de ‘Winter’

2 pensamentos sobre “NEW MODEL ARMY – Winter (2016)

  1. Claro, como frisei na resenha, difícil o NMA voltar a fazer um disco como ‘Thunder And Consolation’ ou ‘The Ghost Of Cain’. Mas, continuam com trabalhos interessantes, crus, com esse engajamento político e dando muita atenção aos fãs. Obrigado pelo comentário. Pensei em fazer mais um parágrafo de finalização do texto, mas as credenciais da banda foram bem apresentadas no início, nem precisei de fechamento, rs.

    Curtir

  2. Muito bom o texto Eduardo, Tinha escutado este disco a um tempo atrás e gostei muito do que vi, já vi várias pessoas falando sobre a perda de peso do NMA, mas acredito que eles foram se adaptando com o passar dos anos, não deixando o peso de lado, talvez a crueza das canções deram vez a sonoridades mais trabalhadas sem deixar de lado o engajamento político, uma das características marcantes de Justin Sullivan. Queria agradecer por me dar as boas vindas pela primeira escrita no blog, fato que não tive a oportunidade de agradecer daquela vez, fica agora meu agradecimento.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s