Clap Your Hands Say Yeah – The Tourist (2017)

Nota: 7,0

Mesmo perdendo diversos integrantes e se tornando a banda de um homem apenas, o Clap Your Hands Say Yeah segue adiante com Alec Ounsworth tentando reviver o hype de 12 anos atrás.

Existe o momento máximo de uma banda. Seu melhor disco ou mesmo sua queda. Tem aquela que fica no tempo e segue uma longa carreira, outras desaparecem rapidamente como num piscar de olhos. E em tempos de internet, podemos dizer que existe a banda que se apropria justamente de todos os recursos que a internet proporciona: a troca de mp3’s, divulgação em blogs e redes sociais. E assim, dessa forma, o Clap Your Hands Say Yeah do Brooklyn lançou o genial début homônimo, tudo custeado pela própria banda. Na coragem. Naquele ano, o CYHSY foi um dos 10 grupos mais citados pelos blogs, também pudera pelo estardalhaço das canções presentes no álbum, sobretudo pela forma independente de lançamento.

Os dois discos posteriores não foram tão comentados. Talvez o momento da banda havia passado. Sorte do primeiro trabalho? Não, eu mesmo acreditava que CYHSY tinha ainda seu potencial, que aquilo não era uma modinha e até mesmo não se tratou de um hype que geralmente vem muito cogitado antes mesmo da data de lançamento. Até mesmo pela forma como a banda fez sua divulgação, ela mereceria conquistar um tempo de vida maior. No quarto trabalho, o grupo passa a ser apenas o vocalista Alec Ounsworth. Quase uma espécie de disco solo, porém o músico resolveu manter o famoso nome da banda.

‘The Tourist’ tenta resgatar a época do début. Claro que o frisson não é mais o mesmo, e muita gente nem sabia se a banda existia ou não. Porém o novo trabalho não fica muito distante. As qualidades do CYHSY continuam estáveis/sólidas. Um poderoso instrumental, indie-rock direto e enérgico, a voz elástica de Alec Ounsworth que não perde sua forma. Até mesmo a repetição de algumas palavras exaustivamente que era um dos ganchos do primeiro álbum permanece como na enérgica ‘The Vanity Of Trying’ (Alec canta ‘We can be whatever, whatever, whatever, whatever, whatever, whatever, whatever we want!’). E ainda sobra espaço para se tentar uma valsa (?) e fugir um pouco do convencional em ‘Unfolding Above Celibate Moon (Lost Angeles Nursery Rhyme)’. A contagiante ‘Better Off’ se encaixaria perfeitamente no début, doze anos atrás.

Voltando ao assunto do primeiro parágrafo, ainda existem bandas que perdem seus integrantes, mesmo assim seguem adiante. Esse pode ser o caso do CYHSY. ‘The Tourist’ está longe de ser um disco extraordinário, vai exigir audições atentas, mas é um bom disco e mostra que Alec Ounsworth pode continuar com sua música, embora o hype do passado tenha ficado para trás.

Allmusic
Site oficial
Soundcloud
Twitter

Veja o vídeo oficial de ‘Down’

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s