LISTA DE 7: 7 Aberturas Fantásticas de Músicas

Claro que música não deve conquistar apenas com sua abertura. Ela deve ser um todo. Ritmo, melodia, acordes, refrões, tudo precisa estar em sintonia e deixar o ouvinte em estado de arrebatamento. Mas, tomo como exemplo eu mesmo, por muitas vezes são os segundos iniciais de uma canção que traz à mente algum disco esquecido, algum momento de minha vida ou mesmo o meu ímpeto para começar algum texto falando sobre a própria música. Deixo aqui 7 exemplos, mas as escolhas seriam inúmeras, milhares, difíceis até de colocá-las aqui. Vale lembrar que as canções não seguem uma ordem de preferência.

1 – ATÉ QUANDO ESPERAR – Plebe Rude
Numa época em que o acesso à música não era tão fácil assim, uma abertura matadora talvez tivesse importância total. Mas aqui, no caso da subversiva Plebe Rude, o lance foi começar com instrumentos raivosos, inclusive com direito a violinos, numa canção que era punk puro, que trazia uma letra até hoje atual. Tudo combinando, a canção é uma das referências até hoje quando se fala do Rock BR 80’s.

2 – EVERYDAY IS LIKE SUNDAY – Morrissey
Li em algum lugar, não lembro agora se foi na revista Bizz, que essa era uma das melhores aberturas de canções já feitas. Temos que concordar. Algo que combina com a música em forma de um todo, do começo ao fim. Também pudera, a canção faz parte do ‘Viva Hate’ (1988), um álbum com outras grandes faixas e que teve a participação do mestre Viny Reilly (Durutti Column).

3 – MIDNIGHT IN A PERFECT WORLD – Dj Shadow
Li e pesquisei muito pouco sobre Dj Shadow. Talvez numa época em que estava distraído em minhas próprias obrigações. Mas esse disco é obrigatório ter, e essa canção tem tanta coisa, essa abertura é a culpada de começar um abalo em nosso espírito e de não querer parar mais. Detalhe: com um belo título também.

4 – SO YOUNG – Suede (imagem da matéria)
Para quem ouve a banda pela primeira vez, ‘So Young’ é o cartão de visitas certeiro. E já nos primeiros segundos, entram em cena dois trunfos que fizeram o Suede ter seu merecido sucesso: a voz de Brett Anderson e a guitarra de Bernard Butler. Mesmo que a banda não tenha seguido uma carreira perfeita, a respeitem por grandes canções como essa.

5 – THAT SUMMER, AT HOME I HAD BECOME THE INVISIBLE BOY – The Twilight Sad
Um início que sequer faz a gente suspeitar como será a música, que a bem da verdade, vai se tornando cada vez mais dilacerante. Aliás, a banda é mestre em criar aberturas cativantes ao longo de seus discos.

6 – THIS IS HARDCORE – Pulp
Pena que essa canção esteja num disco da banda muito pouco comentado. Mas aqui temos um Pulp mais maduro e casando perfeitamente com uma outra arte, o cinema. Para muitos, claro, talvez não ver o vídeo possa não causar tanto impacto para a música. Que nada. Desde a abertura que conquista, a banda acerta mais uma vez.

7 – VAGABONDS – New Model Army
Para um disco todo bonito e considerado como um dos melhores da banda, seria normal ter alguma canção com abertura eficaz. E assim como ‘Até Quando Esperar’ da Plebe Rude, são violinos que abrem espaço para o grito de Sullivan e para uma das canções mais bonitas até hoje, sem esquecer das letras engajadas e do espírito punk.

Outras aberturas dignas de menção:
ANA – Pixies
BIZARRE LOVE TRIANGLE – New Order
ENJOY THE SILENCE – Depeche Mode
GOD ONLY KNOWS – The Beach Boys
LONDON CALLING – The Clash
PEGUE ESSA ARMA – Ira!
UNIVERSAL – Blur

Leitor, sua participação é importante. Comente, dê dicas sobre algumas aberturas de canções, opine, avalie ou até mesmo critique. Obrigado.

3 pensamentos sobre “LISTA DE 7: 7 Aberturas Fantásticas de Músicas

  1. Ótima a seleção de vocês, Francisco e Luciano. ‘Vapour Trail’, ‘Come Undone’ e ‘Killing Moon’ quase entraram na minha lista. Músicas igualmente geniais como um todo. Valeu pela participação na lista.

    Curtir

  2. Janis Joplin – Summertime;
    Eletronic – Soviet;
    Massive Attack – Teardrop;
    Duran Duran – Come Undone;
    Imperia – The Lotus Eaters …

    Curtir

  3. The Smiths – The Queen is Dead; Echo – The Killing Moon; Stone Roses – I Wanna be Adored; Ride – Vapour Trail; The Cure – A Forest; Depeche Mode – Enjoy the Silence; a lista é grande!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s